Comportamento mecânico de revestimento externo com isolante térmico - EIFS

Luciana Alves de oliveira

Resumo

Este artigo discute o desempenho estrutural do Exterior Insulation Facade System, o qual depende das características físicas e mecânicas dos seus componentes (adesivo, isolante térmico e base coat), além das resistências de aderências entre eles. Para tanto, foram realizadas pesquisas bibliográficas e estudos de caso, para compreender os projetos e processos de montagem do Exterior Insulation Facade System no edifício. Os resultados aqui apresentados são parte de uma dissertação de mestrado. A resistência de aderência do adesivo (e do base coat) é o que garante a atua..o conjunta dos componentes. O isolante aumenta a resistência térmica da parede, porém seu coeficiente de dilata..o e módulo de elasticidade diferem muito dos outros componentes, por isso, sua dilata..o causa tens.es que exigem maior resistência de aderência. O base coat atua de forma a conter as dilata..es. As fixações  mecânicas no tipo de Exterior Insulation Facade Systems tratado neste artigo são suplementares, porém são importantes para auxiliar a manutenção da estabilidade em todos os tipos de Exterior Insulation Facade Systems. Aspectos como segurança ao fogo, eficiência térmica, durabilidade e manutenibilidade do EIFS, não foram objeto de discussão desse artigo, mas devem ser analisados em uma eventual discussão sobre adoção de Exterior Insulation Facade Systems nos edifícios no Brasil.

Texto completo:

PDF

Número de visualizações: 22

Referências

ANTUNES, Giselle Reis. Contribuição para avaliação de desempenho de revestimentos de argamassa reforçados com telas metálicas. 2016. 88 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Engenharia Civil, Programa de Pós-graduação em Engenharia Civil, Universidade Federal do Rio

Grande do Sul, Porto Alegre, 2016. Disponível em: https://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/148684. Acesso em: 04 jun. 2018.

ASOCIACIÓN DE FABRICANTES DE MORTEROS Y ET AL SATE. Sistema de aislamiento térmico por el exterior (SATE). ANFAPA Disponível em: http://www.anfapa.com/es/sate. Acesso em: 22 set. 2017.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 11752-2016: Materiais celulares de poliestireno para isolamento térmico na construção civil e em câmaras frigoríficas define poliestireno expandido. Rio de Janeiro, 2016.

BARREIRA, Eva; FREITAS, Vasco de Peixoto. External Thermal Insulation Composite Systems (ETICS): an Evaluation of Hygrothermal Behaviour. Suíça: Springer International Publishing AG Switzerland is part of Springer Science+business Media, 2016. 71 p.

COLLINA, Amilcare; LIGNOLA, Gian Piero. The External Thermal Insulation Composite System (EIFS) More than comfort and energy saving. In: CONGRESSO PORTUGUÊS DE ARGAMASSAS DE CONSTRUÇÃO, 2010, Lisboa, Portugal. Comunicações... Lisboa: Associação Portuguesa dos Fabricantes de Argamassas de Construção, 2010. p. 1 - 11. Disponível em: http://www.apfac.pt/ congresso2010/comunicacoes/Paper 09_2010.pdf. Acesso em: 08 nov. 2017.

DUARTE, Carlos. Monografias APFAC sobre Argamassas de Construção: Tema 3 - Argamassas de Reboco e Monomassas (EN 998-1). Lisboa, Portugal: Associação Portuguesa dos Fabricantes de Argamassas de Construção, 2008. 61 p. Disponível em:

ttp://www.apfac.pt/monografias/Monografia Rebocos e Monomassas v1Mai08.pdf. Acesso em: 10 nov. 2017.

EMPRESA DE PESQUISA ENERGÉTICA. Balanço Energético Nacional 2019 – Relatório Síntese / Ano Base 2018. Rio de Janeiro: EPE, 2019. 67 p. Disponível em: http://www.epe.gov.br/sitespt/ publicacoes-dados-abertos/publicacoes/PublicacoesArquivos/publicacao-377/topico-470/ Relatório%20Síntese%20BEN%202019%20Ano%20Base%202018.pdf. Acesso em: 17 fev. 2020.

EUROPEAN ORGANISATION FOR TECHNICAL APPROVALS. ETAG 004: Guideline for european technical approval of external thermal insulation composite systems with rendering. Brussels: EOTA, 2013. 143 p. Disponível em: http://www.apfac.pt/docs/2011-1st-progress-file-etag-004.pdf. Acesso em: 04 jun. 2018.

Revista IPT | Tecnologia e Inovação v.4, n.13, abr., 2020 15

FREITAS, Vasco Manuel Araújo Peixoto de; GONÇALVES, Pedro Filipe. Isolamento térmico de fachadas pelo exterior - Reboco Delgado Armado sobre Poliestireno Expandido — EIFS. Porto: FEUP - Unidade de Formação Contínua, 2015. 66 slides, color. Disponível em: https://paginas. fe.up.pt/~vpfreita/EIFS.pdf. Acesso em: 30 set. 2017.

FREITAS, Vasco Manuel Araújo Peixoto de; MIRANDA, Andreia Mota. Patologias de sistemas de isolamento térmico pelo exterior do tipo ETICS. Porto: Associação Portuguesa dos Fabricantes

de Argamassas e Etics, 2014. 37 p. (Relatório — LFC-IC-282A). Disponível em: https://www.apfac. pt/patologias/LFC-IC-282A-2014.pdf. Acesso em: 25 nov. 2018.

MALANHO, Sofia de Olivença. Avaliação do desempenho de EIFS com acabamento de ladrilhos cerâmicos. 2012. 120 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Engenharia Civil, Universidade de Aveiro, Aveiro, Portugal, 2012. Disponível em:

ttps://ria.ua.pt/handle/10773/9425. Acesso em:

nov. 2017.

MAPEI SPA. Technical Notebook MAPETHERM - External thermal insulation composite

system for buildings. Milan, Italy: Mapei Spa, 2011. 52 p. Disponível em: https://www.

ribaproductselector.com/Docs/3/09563/external/COL238656.pdf. Acesso em: 27 nov. 2017.

MOREIRA, Nelson. Patologias de Sistemas do tipo ETICS: Porto, PT, 2015. 12 slides, color. Disponível em: https://docplayer.com.br/54679380-Patologias-de-sistemas-de-isolamentotermico-pelo-exterior-do-tipo-etics.html. Acesso em: 25 jan. 2019.

PERDIGÃO, Mário Nuno Lopes Vitorino. Análise de Ciclo de Vida de duas soluções de EIFS. 2013. 142 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Engenharia Civil, Área Departamental de Engenharia Civil, Instituto Superior de Engenharia de Lisboa, Lisboa - PT, 2013. Disponível em:

http://repositorio.ipl.pt/bitstream/10400.21/3408/1/Dissertação.pdf. Acesso em: 08 set. 2017.

PEREIRA, Fernando Pedro Fernandes. Avaliação laboratorial do desempenho do EIFS. 2009. 114 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Engenharia Civil - Especialização em Construções, Departamento de Engenharia Civil, Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, Porto - PT, 2009. Disponível em: https://repositorio-aberto.up.pt/bitstream/10216/60469/1/000135685.pdf.

Acesso em: 21 dez. 2017.

PRIMO, André Duarte de Oliveira. Estudo da durabilidade de materiais e sistemas construtivos: Sistema EIFS. 2008. 95 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Mestrado Integrado em Engenharia Civil, Departamento de Engenharia Civil, Universidade do Porto, Porto, 2008. Disponível em: https://

repositorio-aberto.up.pt/bitstream/10216/59584/2/Texto integral.pdf. Acesso em: 11 nov. 2017.

SILVA, Luís Prata. Patologias de sistemas de isolamento térmicos pelo exterior tipo ETICS. Porto: Associação Portuguesa dos Fabricantes de Argamassas de Construção, 2015. 12 slides, color. Disponível em: https://docplayer.com.br/54679380-Patologias-de-sistemas-de-isolamentotermico- pelo-exterior-do-tipo-etics.html. Acesso em: 25 jan. 2019.

SISTEMA NACIONAL DE AVALIAÇÕES TÉCNICAS. Diretrizes para avaliação técnica de produtos diretriz SINAT n° 005 – revisão 02: Sistemas construtivos estruturados em peças leves de madeira

maciça serrada, com fechamentos em chapas (Sistemas leves tipo “Light Wood Framing”). Brasília: SINAT, 2017. 71 p. Disponível em:

df04-46c0-9b03-170fd4819db9&ext=.pdf&cd=1876>. Acesso em: 04 jun. 2018.

SOUSA, Luís Filipe Tavares Teixeira de. Durabilidade da construção. Estimativa da vida útil - ETICS. 2010. 113 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Engenharia Civil, Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, Porto, 2010. Disponível em:

up.pt/bitstream/10216/58981/1/000143518.pdf>. Acesso em: 10 set. 2017.

VEIGA, Maria do Rosário; MALANHO, Sofia. ETICS e argamassas térmicas: novos desafios de desempenho e sustentabilidade. Lisboa: LNEC, 2006. 52 p.

VEIGA, Maria do Rosário; MALANHO, Sofia. Sistemas Compósitos de Isolamento Térmico pelo Exterior (EIFS): Comportamento global e influência dos componentes. In: CONGRESSO PORTUGUÊS

DE ARGAMASSAS DE CONSTRUÇÃO, 3., 2010, Lisboa, Portugal. Comunicações... Lisboa: Associação Portuguesa dos Fabricantes de Argamassas de Construção, 2010. v. 1, p. 1 - 12. Disponível em:

http://www.apfac.pt/congresso2010/comunicacoes/Paper 07_2010.pdf. Acesso em: 28 nov. 2017.

ZAGORSKAS, Jurgis et al. Energetic Refurbishment of Historic Brick Buildings: Problems and Opportunities. Scientific Journal of Riga Technical University. Environmental and Climate Technologies, v. 12, n. 1, p. 20-27, 1 Dec. 2013. http://dx.doi.org/10.2478/rtuect-2013-0012. Disponível em: https://scholar.google.com.br/scholar?q=Energetic+Refurbishment+of+Historic

+Brick+Buildings:+Problems+and+Opportunities&hl=pt-BR&as_sdt=0&as_vis=1&oi=scholart. Acesso em: 04 nov. 2019.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.