Metodologia de construção de instrumentos de transferência tecnológica: manuais de aproveitamento de água de chuva e de aproveitamento de água do banho e da máquina de lavar

Luciano Zanella, Wolney Castilho Alves, Mariana de Toledo Marchesi

Resumo

A Região Sudeste do Brasil passa, desde o ano de 2013, por uma alteração no regime de precipitações que levou a dificuldades de abastecimento de água potável em diversos municípios da Região. Muitas soluções foram propagadas no afã de mitigar os efeitos negativos criados pela falta d’água. No entanto, muitas informações e procedimentos divulgados são tecnicamente precários e podem levar a consequências indesejáveis à população devido às deficiências técnicas. De modo a suprir essa lacuna, foi desenvolvida no IPT uma estratégia de informação inovadora em relação ao praticado pelo Instituto. O aspecto central foi difundir informações técnicas de importância ao público geral e não somente ao meio técnico. Tal objetivo foi alcançado a partir da produção de manuais de fácil compreensão que permitissem o desenvolvimento de soluções simples, mas que observassem conteúdo tecnológico adequado. O primeiro produto foi o “Manual para captação emergencial e uso doméstico de água de chuva” que conseguiu superar as expectativas de comunicação e ensejou a elaboração do “Manual para aproveitamento emergencial de águas do banho e da máquina de lavar”.

Texto completo:

PDF

Referências

ALVES, W. C. et al. Manual para aproveitamento emergencial de águas do banho e da máquina de lavar. São Paulo: Instituto de Pesquisas Tecnológicas, 2016. 36 p. Disponível em: . Acesso em: 12 mar. 2016.

LEAL, A. Crise hídrica pode ser fator para aumento de 57% nos casos de dengue, diz Chioro. Agência Brasil, 07 fev. 2015. Disponível em: . Acesso em: 12 dez. 2015.

ZANELLA, L. Manual para captação emergencial e uso doméstico de água de chuva. São Paulo: Instituto de Pesquisas Tecnológicas, 2015. 28 p. Disponível em: . Acesso em: 12 mar. 2016.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.