Impacto da variação de altura de edificações em modelos urbanos teóricos para estudos de ventilação natural em edificações residenciais

Daniel Amaral, Eleonora Sad de Assis

Resumo

Estudos com objetivo de avaliar o impacto do meio urbano na qualidade da ventilação interna de edifícios comumente usam modelos urbanos teóricos. Na literatura especializada, esses modelos variam as dimensões, a forma e o afastamento, mas mantêm a altura entre as edificações constante. Esse arranjo urbano é condizente com a realidade de cidades americanas e europeias, mas as cidades brasileiras possuem arranjos com altimetria muito variada. Este estudo tem como objetivo avaliar o impacto do contexto urbano nas taxas de renovação de ar por hora de uma edificação residencial comparando um modelo com altura constante e com altura variável. Eles foram simulados inicialmente em simulações computacionais fluidodinâmicas e os coeficientes de pressão nas aberturas foram obtidos. Com esses dados, simulações termoenergéticas foram conduzidas no EnergyPlus e foram obtidas as Ren/h. Analisando os perfis de velocidade de vento e as taxas internas de Ren/h é possível perceber uma diferença significativa entre os dois modelos urbanos, em que o modelo de altura variável apresenta renovações na média 23 % maiores, chegando a 40 %, em comparação com o modelo de altura constante. De acordo com os resultados encontrados, é recomendado para estudos aplicados a cidades com significativa variação de altimetria, usar modelos teóricos urbanos que representem a diversidade de alturas encontrada na área de estudo.

Texto completo:

PDF

Número de visualizações: 46

Referências

AMERICAN SOCIETY OF MECHANICAL ENGINEERS. ASME V&V 20, Standard for verification and validation in computational fluid dynamics and heat transfer. New York: ASME, 2009.

BUCCOLIERI, R.; SANDERBERG, M.; SABATINO, S. D. City breathability and its link to pollutant concentration distribution within urban-like geometries. Atmospheric Environment, v. 44, n. 15, p. 1894-1903, May 2010.

FRANKE, J. Recommendations of the COST action C14 on the use of CFD in predicting pedestrian wind environment. In: INTERNATIONAL SYMPOSIUM ON COMPUTATIONAL WIND ENGINEERING, 4., 2006, Yokohama. Proceedings... Yokohama: Japan Association for Wind Engineering, 2006.

FRANKE, J.; HELLSTEN, A.; SCHLUNZEN, H.; CARISSIMO, B. Best practice guideline for the CFD simulation of flows in the urban environment. Brussels: COST, 2007. 52 p.

INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, QUALIDADE E TECNOLOGIA Portaria no 18, de 16 de janeiro de 2012. Regulamento Técnico da Qualidade para o Nível de Eficiência Energética de Edificações Residenciais. Rio de Janeiro: INMETRO, 2012.

LIN, M.; HANG, J.; LI, Y.; ZHIWEN, L.; SANDERBERG, M. Quantitative ventilation assessments of idealized urban canopy layers with various urban layouts and the same building packing density. Building and Environment, v. 79, p. 152-167, Sept. 2014.

MARTINS, N.; GRAÇA, G. Validation of numerical simulation tools for wind-driven natural ventilation design. Building Simulation, v. 9, n. 1, p. 75–87, Feb. 2016.

MONTAZERI H.; BLOCKEN B. CFD simulation of Wind-induced pressure coefficients on buildings with and without balconies: Validation and sensitivity analysis. Building and Environment, v. 60, p. 137-149, Feb. 2013.

RAMPONI, R.; BLOCKEN, B.; COO, L. B.; JANSSEN, W. CFD simulation of outdoor ventilation of generic urban configurations with different urban densities and equal and unequal street widths. Building and Environment, v. 92, p. 152-166, Oct. 2015.

SORGATO, M. J. Relatório Técnico da Base de Simulações para o RTQ-R. ELETROBRAS/PROCEL. [S.l.: s.n.], 2011.

TAMURA, T.; NOZAWA, K.; KONDO, K. AIJ guide for numerical prediction of Wind loads on buildings. Journal of Wind Engineering and Industrial Aerodynamics, v. 96, n. 10-11, p. 1974-1984, Oct./ Nov. 2008.

TOMINAGA, Y.; MOCHIDA, A.; YOSHIE, R.; KATAOKA, H.; NOZU, T.; YOSHIKAWA, M.; SHIRASAWA, T. AIJ guidelines for practical applications of CFD to pedestrian wind environment around buildings. Journal of Wind Engineering and Industrial Aerodynamics, v. 96, n. 10-11, p. 1749-1761, 2008.

WANG, B.; DOGAN, T.; PAL, D.; REINHART, C. 2012. Simulating naturally ventilated buildings with detailed CFD-based wind pressure database. In: NATIONAL CONFERENCE OF INTERNATIONAL BUILDING PERFORMANCE SIMULATION ASSOCIATION-USA, 5., 2012, Madison, WI. Proceedings... [S.l.]: IBPSA, 2012. p. 353–360.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.